Lifestyle

Reflexologia podal: Conheça a massagem que pode ser a solução para dores e doenças.

By  | 

Saiba mais sobre essa técnica de massagem milenar que auxilia no tratamento de várias doenças e combate o estresse e a depressão.

Tensão, dores musculares, problemas respiratórios, dores de cabeça e outras enfermidades são características de quem tem uma rotina cheia de compromissos, com muito trabalho e pouco descanso.

Para aliviar ou prevenir esses incômodos típicos da vida moderna, tratamentos a base de massagens tem sido muito utilizados. Um deles é a reflexologia podal, uma técnica oriental que atua em todo nosso sistema corpóreo, devolvendo equilíbrio e harmonia aos elementos físicos e mentais.

Saiba mais sobre ela e que benefícios esse tratamento pode trazer para seu bem-estar.

O que é reflexologia podal?

A reflexologia podal é uma técnica chinesa de massagem que é responsável por, a partir da pressão de pontos específicos nos pés, promove melhorias em órgãos e sistemas do corpo todo.

Cada um desses pontos corresponde a uma região, os sistemas estão espalhados pelas zonas reflexas da planta, dorso e laterais dos pés. Essas regiões contêm milhares de terminações nervosas que refletem diretamente no funcionamento do organismo. 

Para encontrar cada ponto, existe um mapeamento estabelecido por técnicas milenares da medicina tradicional chinesa (MTC), muito conhecida pelos tratamentos de acupuntura. 

O que cada ponto representa?

O pé esquerdo faz correspondência à parte esquerda do corpo e todos os órgãos presentes nesse lado. O mesmo ocorre com o pé direito. Um local específico do pé direito, por exemplo, corresponde ao ponto do fígado, uma vez que é o lado em que o órgão está localizado.

A pressão deve ser feita de forma adequada com a ponta dos dedos para garantir que o funcionamento de cada órgão seja estimulado e receba os benefícios.

Benefícios da reflexologia podal

Esse tipo de tratamento promove muitos benefícios. De acordo com uma pesquisa divulgada no Daily Mail, a reflexologia podal é tão eficaz quanto o uso de analgésicos para dores de cabeça, dores musculares e artrite. Além disso, ela serve para:

  • Complementar tratamentos de doenças crônicas;
  • Combater a insônia;
  • Prevenir o stress;
  • Auxiliar no tratamento da asma;
  • Amenizar os efeitos colaterais no tratamento do câncer;
  • Melhorar a circulação;
  • Auxiliar no tratamento de problemas cardiovasculares;
  • Ajudar no controle da diabetes;
  • Aliviar a tensão que gera dores musculares;
  • Equilibrar as funções renais e hepáticas;
  • Amenizar os sintomas da TPM;
  • Ajudar no tratamento da sinusite;
  • Eliminar as toxinas do corpo;
  • Promover o bem-estar geral. 

Além de todos esses benefícios, a reflexologia podal auxilia na redução da ansiedade e pode ser grande aliada nos processos de emagrecimento, promovendo o reequilíbrio da energia corporal e reduzindo os sintomas de compulsão alimentar, aceleração do metabolismo e redução do inchaço.

Como são realizadas as sessões desse tipo de tratamento?

Com a técnica de pressão, o especialista estimulará pontos específicos dos seus pés. Normalmente, as sessões duram de 30 a 60 minutos, mas esse tempo pode variar de acordo com seu quadro. 

A reflexologia podal pode ser realizada 1 vez por semana. O ideal é não estender muito o tempo entre uma sessão e outra para garantir que o funcionamento do organismo esteja em equilíbrio. 

Quem deve evitar esse tipo de tratamento?

De acordo com os princípios da Medicina Tradicional Chinesa, a reflexologia podal não tem contra indicações na maioria dos casos. No entanto, existem alguns grupos de riscos que merecem atenção especializada:

Gestantes: A estimulação forte e intensa deve ser evitada em mulheres grávidas. No período da gestação, é indicado apenas uma massagem mais leve e relaxante, sem pressionar os pontos para evitar contrações. 

Por atuar diretamente na circulação sanguínea, a reflexologia pode acelerar o trabalho de parto. Por isso, o ideal é que ela seja aplicada em gestantes apenas dentro dos hospitais como alternativa para auxiliar a saída do bebê e amenizar as dores.

Período menstrual: No período menstrual, os vasos sanguíneos do útero estão mais dilatados por conta da saída do sangue. Como a reflexologia atua potencializando a circulação, ela pode interferir no aumento do fluxo ou até mesmo causar hemorragias.

Osteoporose: Por conta da pressão que se faz com as pontas dos dedos, a reflexologia pode potencializar os sintomas da osteoporose. 

Doenças graves do coração: A reflexologia podal deve ser evitada nesses casos por conta do forte estímulo da circulação sanguínea.

Locais que oferecem tratamentos de reflexologia podal

Como esse tipo de massagem atua no equilíbrio completo do corpo, para que sua eficácia seja melhor aproveitada, é ideal que você procure por um ambiente aconchegante, acolhedor e com uma atmosfera de relaxamento.

Nesse contexto, um Day Spa em São Paulo conta com toda infraestrutura, profissionais e produtos de qualidade para fazer você esquecer os problemas do dia a dia, e adentrar em um universo de tranquilidade e bem-estar.

Fonte: Gran Hyatt São Paulo. Fotos: Hyatt e Internet/Reprodução.

Curta Passaporte Cultura

Foi editora e responsável pela criação da Revista ‘Viver Nutrilite’ e redatora da BCS Comunicação. Trabalhou como repórter freelancer para diversos veículos de comunicação cobrindo shows internacionais, nacionais e eventos. Foi Assessora de Imprensa nas áreas de beleza, moda, saúde e bem-estar na Papiro Comunicação e Know How Comunicação. Foi Assessora de Imprensa da Ana Massella Dermatologia e Clínica Estética. Atualmente é editora de conteúdo do site Passaporte Cultura e repórter colaboradora do Site Gossip. Jornalista por formação, cidadã do mundo e de bem com a vida. Apaixonada por Deus, viagens, Bon Jovi, cinema e séries, SPFC, rock, Dalí e Ayrton Senna.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *